Carlos Jorge Lameiras, 63 anos

Carlos Jorge Lameiras, 63 anos - A conversa começou porque eu estava com o meu cão o Batata, e o Sr. Carlos parou para lhe fazer uma festa. "Tenho um parecido assim pequeno mas é rafeiro, quer dizer para mim os cães não têm raça, são a melhor raça! Já tive outros e cheguei a ter um tipo Mastim que chegou a pesar 90 quilos, eu tinha de me encostar à parede quando ele me via pois queria brincar comigo e mandava-me ao chão!" Quando lhe perguntei se ainda trabalhava disse-me "já fiz o que tinha a fazer e já me reformei agora espero aproveitar". Perguntei-lhe se vivia sozinho "tive três mulheres mas só casei duas, com uma vivi 18 anos mas não chegamos a casar, também a festa é mais para elas, mas sim agora sou casado!" Voltando aos cães disse-me "gosto mais de animais do que de pessoas" e rematou com uma frase de um poema de Agostinho da Silva "Posto que viver me é excelente cada vez gosto mais de menos gente". 

Almada, 1 de janeiro de 2016
Miguel A. Lopes



Um Estranho por Dia

Retratos e histórias por Miguel A. Lopes / Rui Soares / Rui Miguel Pedrosa / João Porfírio .

Sem comentários:

Enviar um comentário