Hélder Simões, 45 anos

Hélder Simões, 45 anos. Conheci o Hélder quando este fez uma pequena paragem ao pé de mim por causa da chuva. Expliquei-lhe o projecto e pedi-lhe que participasse, e, embora cansado e cheio de pressa, lá aceitou participar.
Começou por me dizer que todos os dias faz 22 km de bicicleta; "para já, porque gosto imenso deste desporto, e depois porque também me ajuda a manter a forma física.”
O Hélder não nasceu nos Açores, mas é como se fosse: “Sou de Lisboa, vim para cá há 25 anos, e isto... bem, não há comparação. Muito diferente, muito mais evoluído, não tem nada a ver com a realidade e ainda bem. Vim como militar da força aérea e por cá fiquei, sou empresário na área do retalho e não me arrependo de ter vindo para cá. Sabes, estas ilhas...” diz ele com um sorriso na cara.
Sobre os planos para o futuro, sai-se com um: “Ui, complicado, muito complicado." Diz que a crise está a afectar toda a gente, e que tenta não fazer muitos planos, preferindo viver o dia a dia, mas "vamos ver se existe uma evolução positiva, esperemos bem que sim não é?" 
Antes de ir embora, diz-me: “agora vou para casa, tomar um banho para trabalhar até às 19h da noite, e assim todos os dias. Tem de ser, primeiro o desporto e depois vou trabalhar mais bem disposto!” Obrigado pelo seu tempo Hélder, e parabéns pelos 22km todos os dias!

Ponta Delgada. 7 de Março de 2016
Rui Soares


rui soares

Retratos e histórias por Miguel A. Lopes / Rui Soares / Rui Miguel Pedrosa / João Porfírio .

Sem comentários:

Enviar um comentário