Ana Vitória de Magalhães, 24 anos

Ana Vitória de Magalhães, 24 anos. Encontrei a Ana Vitória na Universidade dos Açores, onde está a fazer o seu mestrado. Natural de Minas Gerais, Brasil, a Ana passou 6 meses em Sevilha onde iniciou o seu mestrado, ficará em S. Miguel por outros 6 meses, depois mais 6 de estágio na Bélgica, e acabará o restante na Itália. “Estou a estudar Ordenamento Marítimo e os Açores são o sitio perfeito", diz satisfeita. "É o meu segundo ano a viver na Europa e cá sinto-me em casa, com a língua, a cultura... para não falar que os Açores são lindos! Neste momento o Brasil está em crise, eu não tenho saudades nenhumas, nem do governo nem nada. Até apoiei o impeachment da Dilma. O Brasil tem muita podridão no governo neste momento”, diz convicta.
A Ana sempre quis ser arquitecta e ter uma vida envolvida no mundo das artes: "Para mim, a arquitectura parece que foi feita à minha medida, o mestrado também tem a vertende do Urbanismo, que é um campo de trabalho muito bom e com muita hipótese de futuro". Espera continuar a viver pela Europa no futuro, pois, embora confesse que sinta falta do calor, não tem vontade nenhuma de voltar para um Brasil "desorganizado". Mesmo assim, não planeia demasiado as coisas: "o meu jeito de ser é deixar as coisas correrem e logo vejo. Apenas quero viajar, viajar muito e conhecer o mundo, o que é algo que me deixa muito feliz. Para ficar feliz preciso de viagens apenas”, diz enquanto solta uma gargalhada. Obrigado Ana Vitória.

Ponta Delgada. 9 de Maio de 2016
Rui Soares


rui soares

Retratos e histórias por Miguel A. Lopes / Rui Soares / Rui Miguel Pedrosa / João Porfírio .

Sem comentários:

Enviar um comentário