João Godinho, 52 anos; Vasco, 11 meses

João Godinho, 52 anos; Vasco, 11 meses
Encontrei o João a passear o seu Bulldog francês chamado Vasco. Perguntei-lhe o porquê do nome e disse-me "o meu antigo cão também era um Bulldog, igualzinho a este e também se chamava Vasco mas infelizmente morreu atropelado. Eu gostava tanto dele que resolvi ter outro para me fazer companhia e continuar a ter o meu 'melhor amigo'". Lisboeta de alma e coração, o João, disse-me que sempre gostou de cães mas que sempre houve a impossibilidade de os ter devido ao trabalho exaustivo no entanto desde que tomou a decisão de finalmente arranjar um "melhor amigo do homem" não consegue viver sem o seu Vasco. É bastante curioso a profissão do João neste momento. Trabalha na área dos direitos de autor nos audiovisuais e está neste momento a desenvolver, entre muitas outras coisas, um projecto com a sua equipa sobre os direitos de autor juntos dos hotéis, nas televisões dos hotéis, ou seja, "fazemos junto das unidades hoteleiras um controlo e um planeamento do conteúdo que passa tanta nas televisões dos quartos como dos espaços comuns dos hotéis porque tudo o que passa na televisão "pertence a alguém". Caiu nesta área completamente de pára-quedas, segundo o João, trabalhou durante anos numa rede de supermercados como franchising, em diversas zonas do país mas não correu bem e fez com que fosse obrigado a abandonar a profissão. Mas passou também pela área da informática e até pela representação da Apple em Portugal.

Lisboa, 17 de maio de 2016
João Porfírio


Rui Miguel Pedrosa

Retratos e histórias por Miguel A. Lopes / Rui Soares / Rui Miguel Pedrosa / João Porfírio .

Sem comentários:

Enviar um comentário